A Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (Cresap) recebeu 126 candidaturas para 17 concursos abertos para lugares de topo na Autoridade Tributária e Aduaneira (AT).

Segundo a informação disponibilizada à Lusa por fonte oficial do organismo que gere os recrutamentos no Estado, os 17 concursos dizem respeito a cargos de grau 1 e grau 2 da AT e os respetivos prazos de recebimento das candidaturas na Cresap terminaram nos dias 12, 13 e 14 de fevereiro.

Entre os 17 concursos está o de diretor-geral da AT, que recebeu 11 candidaturas.

O cargo mais procurado foi o de subdiretor-geral com a área de recursos humanos e formação, com 13 candidaturas.

Nos restantes casos, o destaque vai para o concurso de subdiretor-geral da área dos impostos especiais sobre o consumo e subdiretor-geral de gestão aduaneira, que apenas receberam uma candidatura cada.

Assim, para estes dois casos específicos os respetivos concursos vão ser «imediatamente reabertos, por imperativo legal, devido ao facto de o número de candidaturas recebidas ser inferior a três».

Para além dos concursos para vários lugares de subdiretor-geral, foram ainda recebidas candidaturas para diretor de finanças de Lisboa e do Porto, para diretor da unidade de grandes contribuintes e para diretor do centro de estudos fiscais e aduaneiros.