Os contadores da luz vão ser inspecionados pela ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, o que já não acontecia há seis anos. As inspeções são anunciadas numa em que têm sido noticiados alegados erros nas leituras pela EDP da eletricidade consumida.

Ao Jornal de Negócios, fonte da ERSE garante que as novas auditoras vão começar em breve, sem no entanto avançar com uma data precisa para o arranque das inspeções.

Os contadores de luz em Portugal continental são detidos quase na sua totalidade pela EDP Distribuição. Estão em causa cerca de 6 milhões de aparelhos. Nas regiões autónomas,pertencem à Empresa de Electricidade da Madeira e à Electricidade dos Açores.

Quando efetuou a última auditoria, entre 2011 e 2012, o regulador detectou anomalias em vários aparelhos da EDP Distribuição. Por causa disso, a EDP teve de devolver 11 milhões de euros aos consumidores afectados.

A EDP Distribuição acabou por devolver 4 milhões de euros, mas os restantes 7 milhões estão a ser contestados em tribunal pela empresa.

Há seis anos, os erros nos contadores abrangeram a tarifa bi e tri horária.

Veja também: