O euro desceu esta quarta-feira para o nível mínimo das últimas quatro semanas depois de uma valorização generalizada do dólar impulsionada por declarações da presidente do banco central norte-americano, Janet Yellen.

Às 18:00 (hora de Lisboa) o euro negociava a 1,3529 dólares, abaixo dos 1,3568 dólares a que seguia na terça-feira à mesma hora. O euro oscilou hoje entre 1,3526 e 1,3571 dólares.

A divisa norte-americana valorizou-se depois de na terça-feira Yellen se ter mostrado mais otimista em relação à situação da economia norte-americana.

Numa comissão do Senado, a presidente da Reserva Federal admitiu que as taxas de juro podem subir antes do previsto se o mercado laboral continuar a melhorar nos Estados Unidos.

Novos dados económicos confirmaram hoje a conjuntura favorável nos Estados Unidos. A produção industrial aumentou 0,2% em junho, depois de um crescimento de 0,5% em maio.