O índice de preços da produção industrial aumentaram em dezembro de 2013 0,2% na zona euro e na União Europeia (UE), na comparação com novembro, tendo em Portugal subido acima da média (0,4%), revela esta terça-feira o Eurostat, escreve a Lusa.

Segundo as primeiras estimativas do gabinete oficial de estatísticas da UE, na comparação homóloga, com dezembro de 2012, os preços do indicador baixaram 0,8% na zona euro e 0,6% na UE.

Na comparação mensal, e segundo os dados disponíveis, as maiores subidas verificaram-se em Espanha (1,1%), República Checa e Suécia (0,8% cada), enquanto os maiores recuos de preços de novembro para dezembro tiveram lugar na Estónia (-1,7%), na Letónia (0,9%) e na Lituânia (0,6%).

Em Portugal, na comparação anual, os preços da construção industrial recuaram 0,1, tendo as maiores quedas sido verificadas em Chipre (-5,2%), na Bélgica (-3,6%), na Bulgária (-2,8%), na Croácia e na Holanda (-2,6%).

As maiores subidas homólogas foram identificadas na Estónia (7,2%), na República Checa (1,8%), na Irlanda (1,4%) e na Roménia (1,0%).

Em termos mensais, os preços no conjunto da indústria - excluindo os setores da construção e da energia - estabilizaram na zona euro e na UE.

Já no setor da energia, cresceram, respetivamente, 0,5% e 0,7%.