As prestações do crédito à habitação que forem revistas em abril vão voltar aumentar, segundo os cálculos feitos para a Lusa pela Deco/Dinheiro&Direitos.

Depois de um período entre final de 2011 e meados de 2013 em que o valor das prestações a pagar ao banco caiu, refletindo a queda das Euribor, nos últimos meses têm voltado a aumentar, ainda que ligeiramente.

Este mês, a prestação de um empréstimo à habitação no valor de 150 mil euros a 30 anos indexado à Euribor a seis meses com um spread (margem de lucro do banco) de 1% vai subir 4,77 euros em relação à data da última revisão, em outubro, para 511,01 euros.

Quanto a um crédito com valor, prazo e spread iguais, mas indexado à Euribor a três meses, a prestação vai aumentar 2,19 euros face à última revisão (em janeiro), para 503,76 euros.

A média das taxas Euribor aumentou ligeiramente em março, fixando-se em 0,407% no prazo a seis meses e 0,305% a três meses.