Os portugueses continuam a apostar nos certificados de aforro para fazer crescer as suas poupanças. Em julho, investiram 121 milhões neste produto, e resgataram 83 milhões. Contas feitas, o saldo ainda é positivo em 38 milhões, revela o boletim mensal da Agência de Gestão da Tesouraria e do Crédito Público (IGCP).

No final do mês passado, os portugueses tinham aplicados 9.788 milhões de euros em certificados de aforro.

No acumulado dos primeiros sete meses do ano, foram investidos 652 milhões e resgatados 533, o que deixa o saldo líquido acumulado de 2013 nos 119 milhões de euros.

Já os certificados do Tesouro não param de perder adeptos. No mês passado foram resgatados mais 5 milhões, sem que tenham sido feitas novas emissões. No acumulado de janeiro a julho, já saíram 27 milhões de euros. Os portugueses mantêm agora apenas 1.389 milhões aplicados neste produto.