Os cidadãos da Arábia Saudita gastam cerca de 30% do seu rendimento em chamadas telefónicas e navegação na internet, de acordo com uma sondagem da Associação de Proteção do Consumidor daquele país, citada pelo diário saudita Aj Hayat.

A percentagem reflete a média dos gastos, já que há cidadãos que gastam mais de metade do seu rendimento na conta das telecomunicações, acrescenta o diário, citado pela agência espanhola Efe.

«Este consumo indica que os sauditas perdem muito tempo a fazer chamadas e ligados à internet», disse ao Al Hayat o diretor da associação; Naser al Tuim, citado pela Lusa.

O preço das chamadas telefónicas e da ligação à internet na Arábia Saudita é dos mais caros no mundo, aponta o responsável, que diz que as empresas não informam os cidadãos dos preços das ligações noutros países, de acordo com Al Tuim.