Numa altura em que a crise está na ordem do dia e em que o desemprego é um dos maiores dramas sociais que assolam o País, é importante saber como manter ou conseguir um novo emprego.

A especialista em coaching Maria Duarte Bello explica, em entrevista à Agência Financeira, como ajuda pessoas desempregadas a traçarem um novo rumo para as suas vidas e como ajuda trabalhadores a cumprirem os objectivos que as respectivas empresas esperam deles, para garantir um lugar activo no mercado do trabalho.

«A procura tem aumentado nos últimos tempos, por força das circunstâncias e da conjuntura», admite. «Há mais desempregados, sobretudo pessoas na faixa etária dos 40, dos 50, que perderam o emprego e que não sabem o que fazer da vida com esta idade. Acham que já estão desactualizados e que não têm capacidades para fazer mais nada da vida. E isso não é verdade».

«As pessoas às vezes nem sabem em que é que são boas, não sabem o que podem fazer e bem. E um coach pode ajudar. Muitas vezes o processo até resulta num auto-emprego, as pessoas abrem negócios próprios e vão fazer aquilo que sempre quiseram mas que nunca conseguiram porque, há 20 e tal anos atrás, optaram por outro rumo», explica.

Mas não é só. Quem está à procura de emprego, pode aprender com um destes especialistas como se preparar. Há quem os procure para preparar uma apresentação em público, uma participação num congresso ou simplesmente a gerir a sua imagem.

No fundo, se quer definir objectivos para a sua carreira e para a sua vida, ou se já os tem mas precisa de ajuda para os atingir, um coach pode fazer milagres. Como diz o lema do coaching: «A vida é feita de escolhas. Se não está satisfeito, escolha outra vez».