A Associação de Defesa do Consumidor, Deco, garante que as dívidas dos clientes às empresas comercializadoras de eletricidade, gás e água estão a aumentar. São cada vez mais as famílias portuguesas que não conseguem pagar estes serviços essenciais.

A Deco avança ao Jornal de Notícias que estas dívidas representam já 10% do total de pedidos de ajuda solicitados à associação, uma situação que tem vindo a agravar-se nos últimos três anos.

A EDP admite que entre os clientes residenciais, registou um aumento de 15% no valor das dívidas. No caso do gás natural, a subida é de 30%.