O número de desempregados registados nos Centros de Emprego em Espanha caiu em maio 111.916 pessoas face ao mês de abril, para um total de 4,57 milhões de pessoas.

A diminuição no desemprego em maio deste ano é a maior registada neste mês, de toda a série estatística espanhola.

De acordo com os dados publicados pelo Ministério do Emprego e Segurança Social, face a maio do ano passado, o número de desempregados caiu 318.543 pessoas.

O Governo revelou ainda que o número de trabalhadores com empregos aumentou em 198 mil em maio, face ao mês anterior, o melhor dado desde 2005.

Esse aumento de 1,21% eleva para cerca de 16,63 milhões de pessoas o número de trabalhadores com emprego em Espanha.

Trata-se, recorda o Ministério do Emprego, do «melhor dado da série histórica, tendo em conta que em 2005 houve uma regularização extraordinária de imigrantes».

Em termos anuais, face a maio de 2013, o número de trabalhadores cresceu em 261.361 (mais 1,60%), depois de cinco anos consecutivos de descidas neste mês do ano.