O indicador do sentimento económico aumentou ligeiramente em fevereiro, pelo segundo mês consecutivo, tanto na zona euro como na União Europeia, segundo dados divulgados esta quinta-feira pela Comissão Europeia.

Na zona euro, o ISE melhorou 0,7 pontos para 102,1, enquanto no total dos 28 países da UE subiu 0,4 pontos para 105,1.

A Direção-Geral dos Assuntos Económicos e Financeiros da Comissão Europeia atribui a ligeira melhoria registada na zona euro ao crescimento da confiança no consumo e comércio a retalho, atenuado, no entanto, pelas quedas na confiança nos setores da indústria, serviços e construção.

Em Portugal, o indicador desceu 0,5 pontos para 101,9.

Nas cinco maiores economias da zona euro, o indicador cresceu em Itália (2,4 pontos), França (2,0) e Espanha (0,8), tendo diminuído na Alemanha e Holanda (-0,5 pontos em cada).

Sungo a Comissão, o principal indicador que mede o clima de negócios na zona euro recuou 0,05 pontos em fevereiro, face a janeiro, para os 0,07, contra os 0,12 do primeiro mês deste ano.