Os preços dos combustíveis não sofreram alterações neste início de semana. As cotações do petróleo mantiveram-se estável na semana passada, daí não se traduzirem em subidas ou descidas.  Seja como for, tanto os preços do gasóleo como da gasolina estão nos valores mais altos do ano.

Na última semana, o aumento foi de 1,5 cêntimos por litro e seguiu-se a outros que já vinham de trás. Depósito cheio significa carteira cada vez mais leve: a gasolina encareceu 9 cêntimos desde o início do ano e o gasóleo 10 cêntimos.

Contas feitas, encher o depósito com 60 litros ficou 5 euros mais caro no caso da gasolina e 6 euros nos veículos a diesel.
 
Os preços de referência nos postos de abastecimento rondam, em média, os valores que constam nesta tabela, segundo as estatísticas da Direção-geral de Energia e Geologia. 
 

Gasóleo

1,219 €

Gasolina 95

      1,474 €

Gasolina 98

 1,510 €

O barril de Brent, negociado em Londres e que é o petróleo de referência para Portugal, voltou a passar esta segunda-feira os 50 dólares por barril.

Ainda assim, é muito cedo para perceber se na semana que vem os preços finais dos combustíveis irão aumentar. É preciso esperar pela evolução das cotações no seu conjunto.