O mercado automóvel da União Europeia continuou a crescer em 2015, registando uma subida de 9,3%, com 13,7 milhões de viaturas vendidas, segundo dados publicados hoje pela Associação de Construtores Europeus de Automóveis (ACEA).

O grupo Renault integrou essa tendência, com as vendas a registarem um aumento de 9,2%, enquanto o crescimento da PSA Peugeot Citroën foi inferior ao observado na média da Europa, ao fixar-se em 6,2%. Já a Volkswagen, beliscada pelo escândalo da manipulação das emissões poluentes, viu as vendas crescerem 6,3%.

Segundo a ACEA, a tendência global em 2015 foi positiva, e o aumento signiticativo, mas “os volumes permanecem baixos”, ultrapassando à risca os níveis registados em 2010, imediatamente depois da crise económica de 2008.