O indicador de sentimento económico do Eurostat para Portugal melhorou em setembro 1,7 pontos, mantendo-se, no entanto, abaixo da média dos países da União Europeia (UE), anunciou esta sexta-feira a Comissão Europeia.

INE: clima económico volta a recuperar

O indicador de sentimento económico calculado pelo gabinete de estatísticas da Comissão Europeia mede a confiança e as expectativas quanto à economia de consumidores e empresas europeus.

Em Portugal, o indicador passou de 88,3 pontos em agosto para 90,0 pontos em setembro.

Na zona euro, os dados de Bruxelas mostram que o indicador de sentimento económico aumentou 1,6 pontos na zona euro (para os 96,9) e 2,4 pontos na UE (para os 100,6) - o que leva este indicador a ultrapassar a média de longo prazo e chegar aos três dígitos pela primeira vez desde julho de 2011.