A ministra da Agricultura, Assunção Cristas, anunciou esta sexta-feira que o Governo já tem a garantia de Bruxelas de que pode usar fundos estruturais para financiar as obras que faltam para concluir o projeto Alqueva em 2015.

«Temos hoje a garantia de Bruxelas de que vamos poder concluir Alqueva com recurso aos fundos estruturais», disse a ministra, referindo que a conclusão do projeto «cumprir-se-á no prazo previsto pelo Governo, 31 de dezembro de 2015», e com a forma de financiamento que o Governo «entendia que era a melhor».

Assunção Cristas falava junto à barragem do Alqueva, no concelho de Moura, na cerimónia de assinatura de contratos de adjudicação de seis empreitadas do projeto para construção de infraestruturas de distribuição de água para servir 20.285 hectares de terras no Baixo Alentejo, num investimento superior a 132 milhões de euros.