As praças financeiras seguem em terreno misto, oscilando entre ganhos e perdas. Os investidores aguardam por novidades da Grécia, num dia decisivo para o futuro do país, pelo menos a curto prazo.

Espera-se que esta noite se concluam as negociações para que o acordo entre Atenas e o Eurogrupo seja anunciado no Conselho Europeu de amanhã.

No vermelho, Madrid cai 0,2% e Paris desce 0,1%. Londres sobe 0,1%, Milão ganha 0,3% e Frankfurt sobe 0,7%.

Em lisboa, a tendência de negociação é negativa. O PSI-20 cai ligeiros 0,1%, pressionado pelo Banif, que cai 1,4% para os 0,007 euros.

O BCP desliza 0,3%, mantendo o preço das ações em 0,09 euros.

Destaque também para a descida de 0,9% da Pharol, com os títulos a cotar a 0,47 euros.

A travar maiores quedas está a Teixeira Duarte, que soma 3%, nos 0,58 euros por ação.

No mercado secundário, os juros da dívida continuam a descer há sete dias consecutivos. Os juros  das OT a dez anos estão em mínimos de dezembro, mas ainda longe do mínimo histórico registado em março