Portugal regressa hoje aos mercados de dívida, com uma nova emissão de Bilhetes do Tesouro (BT) a três e a 12 meses, pretendendo colocar no mercado entre 750 e 1.000 milhões de euros no total.

O IGCP, a agência que gere a dívida pública portuguesa, vai emitir títulos com maturidade em novembro deste ano e em agosto de 2014.

A última emissão de BT a três meses foi realizada em abril, tendo sido colocados 250 milhões de euros com uma taxa de juro média de 0,743%, uma taxa que tem vindo a aumentar desde janeiro, o primeiro mês em que o IGCP emitiu títulos a seis meses.

Quanto aos BT a 12 meses, o último leilão realizou-se em julho, altura em que foram colocados no mercado 1.200 milhões de euros nestes instrumentos de dívida a um juro médio de 1,720%, uma taxa que tem vindo a oscilar desde o início do ano, mas que em janeiro era mais baixa (1,609%).