A data para os credores da Rio Forte e Espírito Santo International reclamarem créditos foi prorrogada até 30 de junho, segundo as decisões que constam no portal na Internet relativo à insolvências das empresas do Grupo GES no Luxemburgo.

A decisão foi tomada pelos administradores de insolvências no Luxemburgo, uma vez que era lá que empresas do Grupo Espírito Santo (GES) tinham as suas sedes.

Também os clientes que reclamam créditos do Banque Privée Espírito Santo, na Suíça, podem fazer os seus pedidos até essa data.

Até à publicação deste aviso, que data de 18 de dezembro, o prazo para os clientes reclamarem os créditos terminava a 31 de janeiro, pelo que foi dilatado em cinco meses.