A Caixa Geral de Depósitos quer recuperar o dinheiro que emprestou ao empresário da Madeira para comprar ações do BCP, onde chegou a ser um dos acionistas de referência.

De acordo com o Diário de Notícias da Madeira, em causa estão 2,9 milhões de euros concedido em tempos pelo banco do Estado.

A ação deu entrada no final do mês de Agosto na Comarca da Madeira.