A dívida pública desceu para 229.269 milhões de euros em outubro, menos 2.683 milhões de euros do que em setembro deste ano, segundo o Banco de Portugal.

Estes valores referem-se à dívida pública na ótica de Maastricht, a que conta para Bruxelas, e foram publicados esta terça-feira no Boletim Estatístico pelo banco central.

Já a dívida líquida de depósitos da administração central subiu 1.403 milhões de euros entre setembro e outubro para 213.524 milhões de euros.

O saldo das contas externas de Portugal, medido pelas balanças corrente e de capital, ficou nos 3.560 milhões de euros em outubro, acima do excedente de 3.472 milhões de euros do mesmo mês de 2014.

Para este desempenho das contas de Portugal com o estrangeiro o principal contributo foi da balança de capital, de 1.879 milhões de euros no acumulado entre janeiro e outubro. Quanto à balança corrente, esta ficou nos 1.681 milhões de euros.