A dívida pública situou-se em 237,6 mil milhões de euros em maio aumentando 1,6 mil milhões de euros relativamente ao final do mês anterior, disse o Banco de Portugal no Boletim Estatístico e no BPstat.

“Esta variação reflete emissões líquidas positivas de títulos (1,3 mil milhões de euros), com destaque para a primeira emissão de Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável (0,8 mil milhões de euros), e um aumento das responsabilidades em numerário e depósitos (0,3 mil milhões de euros)”, diz o boletim.

Embora a caminho da dívida seja de alta, foi acompanhada por um aumento mais acentuado dos ativos em depósitos (2,1 mil milhões de euros) – graças à captação de poupanças junto das famílias – “pelo que a dívida pública líquida de depósitos da administração central registou uma diminuição de 0,5 mil milhões de euros face a abril, ascendendo a 219,2 mil milhões de euros”, acrescenta o comunicado.

 

Fonte: Banco de Portugal