Até ao final de outubro tinham sido devolvidos quase 195 mil cheques por falta de provisão, totalizando 594,3 milhões de euros, segundo dados do Banco de Portugal (BdP) divulgados hoje no boletim estatístico da instituição.

De acordo com o mesmo documento, quer em termos de números de cheque, quer em termos de valor, os dados de outubro de 2013 representam uma queda face aos valores registados em igual período do ano passado.

Segundo o boletim estatístico, entre janeiro e outubro de 2012 foram devolvidos por falta de provisão pouco mais de 320 mil cheques que representavam um montante de 939 milhões de euros.

Em 2012, foram devolvidos 370,7 mil cheques, num total de 1.083 milhões de euros, valores abaixo dos registados em 2011 (472,7 mil cheques devolvidos por falta de cobertura correspondentes a 1.665 milhões de euros).