O Santander Totta apresentou hoje lucros de 196,2 milhões de euros no primeiro semestre, mais 89,5% do que entre janeiro e junho do ano passado, divulgou hoje a instituição em comunicado.

Segundo os resultados apresentados, a margem financeira estrita cresceu 30,2% para 368,9 milhões de euros, com o banco a justificar a melhoria com a "diminuição do custo de depósitos, além do impacto da atividade adquirida", ou seja, o Banif, uma vez que comprou parte do negócio da instituição em dezembro passado no âmbito do processo de resolução.

Também as comissões líquidas melhoraram em termos homólogos, 18,6% para 158,5 milhões de euros, e os resultados de operações financeiras avançaram 200% para 88,2%, o que permitiu a melhoria do produto bancário de 36,7% para 615,6 milhões de euros.

Ontem tinha sido a vez da casa-mãe. O lucro do banco espanhol Santander caiu 32% nos primeiros seis meses do ano, para 2,911 mil milhões de euros, devido a medidas extraordinárias e à desvalorização das divisas face ao euro.