A Caixa Geral de Depósitos iniciou um processo voluntário de reformas antecipadas, adiantou esta sexta-feira o site da Federação dos Sindicatos do Setor Financeiro.

«A Febase reuniu-se com a administração da CGD no dia 20 de Março, tendo sido informada que a instituição vai avançar com um processo de reformas antecipadas, ao qual podem candidatar-se todos os trabalhadores que completem 55 anos até 31 de Dezembro de 2016».

Para os trabalhadores que se candidatem durante os três primeiros meses de funcionamento do plano, a pensão de reforma será equivalente a 80% da sua remuneração mensal efectiva, tenho ainda a possibilidade de optarem pelo regime em vigor.

Os funcionários que se candidatarem durante os três e os seis meses de implementação do programa, a pensão será equivalente a 75% e 70%, respectivamente.