A Comissão Europeia informou esta terça-feira os bancos Crédit Agricole, HSBC e JPMorgan da sua conclusão preliminar de que podem ter manipulado taxas de juro interbancárias Euribor para os produtos financeiros derivados, violando as regras da concorrência, escreve a Lusa.

Bruxelas considera que os três bancos em causa terão criado um cartel com o objetivo de fixar taxas de juro, distorcendo o mercado.

Os três bancos têm agora oportunidade de se defender das acusações da Comissão Europeia, após o que será tomada uma decisão final.

Os produtos financeiros de derivados (como, por exemplo, os swap) são instrumentos usados pelos bancos ou empresas para gerir os riscos de flutuação das taxas de juro e desempenham um papel determinante na economia global.