A australiana Qantas aparece na lista das 20 companhias mais seguras pelo terceiro ano consecutivo. A Airline Ratings considera que a companhia australiana tem um “extraordinário registo”, sem casos fatais desde o início das viagens a jato. 

O top 20 das companhias mais seguras, por ordem alfabética, é composto por American Airlines, Alaska Airlines, All Nippon Airways, Air New Zealand, Cathay Pacific Airways, Emirates, Etihad Airways, EVA Air, Finnair, Hawaiian Airlines, Japan Airlines, KLM, Lufthansa, Qantas, Scandinavian Airline System, Singapore Airlines, Swiss International Air Lines, United Airlines, Virgin Atlantic e Virgin Blue.

Dentro das companhias low cost, o site contabilizou também as 10 mais seguras. A seleção é composta por Aer Lingus, Flybe, HK Express, Jetblue, Jetstar Australia, Thomas Cook, TUI Fly, Virgin America, Volaris e Westjet.
 
O sistema de classificação da AirlineRatings baseia-se em auditorias às companhias aéreas, ao histórico operacional, ao registo de incidentes e à excelência operacional.