A TAP vai garantir apenas os voos operados pela PGA e os serviços mínimos na greve que está agendada para os dias 30 de outubro e 1 de novembro, convocada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil. De acordo com os dados da transportadora, estão garantidas apenas 11 ligações classificadas como serviços mínimos: quatro delas de e para São Paulo (Brasil) e as restantes para os arquipélagos (Açores e Madeira).

 

Neste dois dias a TAP realizaria em média cerca de 320 voos em cada um dos dias. À data de hoje, há 30 mil lugares reservados.

 

A transportadora aérea pede aos passageiros que contactem a empresa para mudar as reservas, já que «de momento a TAP está em condições de garantir apenas a realização dos voos operados pela PGA e dos voos declarados pelo Conselho Económico e Social como serviços mínimos». 

 

«A TAP lmenta esta situação e tudo tem estado a fazer para minimizar os inconvenientes causados aos seus passageiros», conclui a empresa, em comunicado.

 

Mas os protestos vão estender-se por mais tempo, estando agendadas paralisações também para 30 de Novembro e 2 de Dezembro. 


A TAP está a aconselhar os passageiros a mudarem as suas reservas para fora dos períodos de greve. A transportadora aérea publicou um aviso no site em que informa os clientes de que a alteração das viagens será feita «sem custos» e dando-lhes a possibilidade de reembolso do valor do bilhete.

 

Em comunicado, o SNPVAC confirmou que a TAP não se mostrou disponível «até ao momento para dialogar», antecipando uma adesão à greve superior a 90%.

 

«As razões da greve são lutar contra a postura de intransigência e de incumprimento do Acordo de Empresa, desde 2006» pela TAP, afirmou Nuno Fonseca da direção do sindicato à Lusa, adiantando que a transportadora não respeita o direito dos trabalhadores a um fim de semana em cada sete semanas, nem os direitos das mães com filhos em idade de amamentação.

 

«Incompreensivelmente, estão a ser nomeadas para serviços noturnos, o que é claramente ilegal», refere no comunicado.