"A pressão nos preços de revenda dos veículos Volkswagen usados podem pesar na flexibilidade financeira da construtora automóvel", afirma um responsável da Moody's Bernhard Held, citado num comunicado, argumentando que isso deve "penalizar o risco do valor residual das várias partes envolvidas na venda, no financiamento e no aluguer" destes carros.




Volkswagen registou prejuízos de 3,48 mil milhões de euros