O programa de rescisões na Função Pública arranca esta segunda-feira e prolonga-se até 30 de novembro.

O objetivo do Governo de Passos Coelho é rescindir contratos com cerca de 30 mil funcionários públicos, o que poderá vir a representar uma despesa com indemnizações superior a 500 milhões de euros.

A informação está disponível na página da internet da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público. Há ainda um simulador disponível para calcular o valor da compensação, que varia consoante a idade e antiguidade.

Note-se que, quem rescindir o vínculo não poderá voltar a trabalhar para o Estado durante um período que vai variar em função do valor da indemnização do trabalhador.