A Frente Comum anunciou esta quarta-feira de manhã uma greve geral para dia 8 de novembro.

O anúncio foi feito por Ana Avoila em conferência de imprensa de reação às medidas de austeridade reveladas na apresentação do Orçamento do Estado para 2013, que volta a penalizar os funcionários públicos.



Entre as medidas que estão a causar mais polémica, destaque para os cortes salariais e das pensões e o aumento das horas de trabalho.

Entretanto o Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado já aderiu a esta greve.

A CGTP e a UGT estão reunidas e o cenário da greve também está em cima da mesa.