O diretor comercial para Portugal da easyJet admitiu, esta quarta-feira, que a companhia aérea pretende colocar à venda o destino Ponta Delgada na primeira quinzena de outubro e começar a voar para os Açores a partir de março de 2015.

«No início de outubro, iremos colocar à venda os novos destinos. Então, de forma ideal, nós gostaríamos de colocar à venda o destino Ponta Delgada até final da primeira quinzena de outubro», disse José Lopes aos jornalistas à saída de uma reunião com o Governo Regional dos Açores.

O diretor comercial esteve em Ponta Delgada para se inteirar do estado do processo de liberalização de parte do espaço aéreo regional e admitiu que «o prazo começa a ser curto», correndo-se o risco de se fazer «uma operação mais pequena nos Açores» ou de o serviço para o arquipélago ficar em causa.

«Se o processo se começar a adiar demasiado, nós, como qualquer outra companhia, temos que alocar os nossos aviões e teremos de aproveitar esses aviões para voar outras rotas. Atualmente temos espaço reservado para essa operação, mas se o processo se alongar muito no tempo naturalmente temos de decidir e voar para outros destinos», sublinhou José Lopes, alertando para a necessidade de conclusão do processo da revisão das obrigações de serviço público.

À saída da reunião, o secretário regional dos Transportes e Turismo dos Açores adiantou que o processo está agora nas mãos do Governo da República, admitindo, porém, que tem a indicação de que «todos os timings serão cumpridos».