Os sindicatos dos pilotos da Air France decidiram esta terça-feira desconvocar a greve marcada para o período entre 24 e 27 de junho.

O cancelamento da greve ocorreu depois de uma reunião com o futuro presidente da Air France, Jean-Marc Janaillac, que toma posse a 4 de julho, que prometeu congelar a aplicação de certas medidas nos salários dos pilotos em troca de uma trégua de quatro meses.

Em resposta, os três sindicatos, que representam os pilotos da Air France, “decidiram suspender a greve”, disse a secretária-geral do Sindicato Nacional de Pilotos, Veronica Damon.