«Estas greves servem para proteger os trabalhadores e o seu descanso previsto na lei».



«Tem havido bloqueios de autocarros e invasões de instalações porque as pessoas estão fartas de esperar horas por autocarros».



«Não são só os trabalhadores a serem penalizados, os utentes também saem prejudicados porque acabam por não ter meio de transporte para se deslocar pela cidade».