A agência de notação financeira Fitch baixou a nota atribuída à dívida soberana de Malta, de «A+» para «A», ainda que com perspetiva estável, noticia a agência Efe.

Num comunicado citado pela Efe, a Fitch justifica a decisão com os desvios no défice público registados em 2012 e que prevê que voltem a verificar-se este ano, bem como pelo agravamento do nível de endividamento do setor público.

A agência de notação financeira recorda que Malta encerrou 2012 com um défice público de 3,3% do Produto Interno Bruto (PIB), acima da meta do Governo de 2,2% e também do que as previsões do executivo (2,6%)

A Fitch considera que a resposta das autoridades maltesas à «deterioração orçamental» de 2012 foi «lenta».