O consumo de gás natural em Portugal atingiu um novo recorde no passado dia 5 de dezembro. Tudo por causa da elevada utilização das centrais para a produção de eletricidade, face à quebra da produção hídrica, esta decorrente da seca. 

A  REN - Redes Energéticas Nacionais explica que a situação de seca em que Portugal se encontra teve como consequência a redução da produção hidráulica A acrescentar a isto, o sistema elétrico nacional está "este ano fortemente exportador".

Em comunicado, a REN adianta que o novo máximo histórico no consumo de gás natural, de 263 GWh, superou o anterior máximo, que tinha sido alcançado em 19 janeiro deste ano, dia em que o consumo de gás natural atingiu 247,1 GWh.

O consumo de gás natural regista este ano os valores mais elevados de sempre, totalizando até ao dia 11 deste mês, 66.490 GWh, um valor que está já 15% acima do anterior máximo anual ocorrido em 2010".

Comparado com 2016, o consumo de gás natural até 11 de dezembro apresenta um crescimento de 27,5%, com o segmento do mercado convencional a crescer 4,4% e o do mercado elétrico 90,1%.

Veja também: