A insolvência de cinco empresas do Grupo Espírito Santo (GES) no Luxemburgo deu origem a uma página na Internet que visa publicar informação sobre o desenvolvimento dos processos.

«Bem-vindo à página das insolvências» da Espírito Santo Financière, do Espírito Santo Financial Group, da Espírito Santo International, da Espírito Santo Control e da Rio Forte Investments, pode ler-se no endereço http://www.espiritosantoinsolvencies.lu/, noticiado esta quinta-feira no site do Jornal de Negócios.

«O propósito desta página é mantê-lo informado sobre o desenvolvimento das insolvências e fornecer informação geral», refere o sítio, que se desdobra em informação específica sobre cada uma das cinco empresas.

Já esta semana, o Tribunal do Comércio do Luxemburgo declarou a falência da Rioforte Investments S.A., cinco dias depois de esta empresa do GES ter visto rejeitado o seu recurso relativamente ao pedido de gestão controlada.

O Tribunal do Luxemburgo rejeitou os quatro pedidos de gestão controlada apresentados em julho por empresas do GES, os últimos dos quais relativos à Espírito Santo International (ESI) e à Rio Forte Investments, no passado dia 17.

Em causa estavam os pedidos de gestão controlada apresentados pela ESI, a 18 de julho, pela Rio Forte, a 22, pela Espírito Santo Financial Group (ESFG), a 24, e pela Espírito Santo Financière (ESFIL), a 31, todos no mesmo mês.