A Autoridade da Concorrência deu luz verde à venda do negócio dos estacionamentos do Novo Banco à ESLI - Empreendimentos e Exploração de Parqueamentos, empresa detida pela Empark, segundo um aviso publicado no portal da AdC.

A decisão foi tomada na sexta-feira passada, quando o Conselho da Autoridade da Concorrência deliberou adotar uma decisão de não oposição àquela operação de concentração, justificando esta decisão com o facto de a venda não ser “suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva” naquele mercado.

O negócio foi notificado à AdC a 28 de janeiro passado, consistindo na aquisição pela ESLI do controlo exclusivo da EMSA - Empreendimentos e Exploração de Estacionamentos, uma empresa 100% detida pelo Novo Banco, que atua diretamente e através das suas subsidiárias em quatro cidades portuguesas: Fundão, Loures, Porto e Vila Nova de Gaia.