Portugal conseguiu pagar a taxa de juro mais baixa de sempre numa emissão de dívida a 10 e 27 anos. No total, arrecadou 1.250 milhões de euros em Obrigações do Tesouro, o montante pretendido.

A 10 anos, prazo de referência, foram colocados 975 milhões de euros, a uma taxa de 1,778%. No último leitão comparável, realizado a 14 de fevereiro, tinham sido 2,046%. 

A procura atingiu 1.661 milhões de euros, 1,70 vezes superior ao montante colocado.

A 27 anos, foram emitidos 275 milhões de euros e a taxa foi de 2,8%. No último leitlão com as mesmas características, de 12 de julho do ano passado, o juro cobrado tinha sido bastante mais alto (3,977%).

No leilão de hoje, neste prazo, a procura atingiu 771 milhões de euros, 2,80 vezes o montante colocado.

Segundo o programa de financiamento de 2018, o IGCP estima arrecadar 15.000 milhões de euros através da emissão bruta de OT mensalmente, combinando operações sindicadas e leilões.