Os portugueses consumiram menos combustível no primeiro trimestre deste ano, uma quebra de 10,7% face a igual período de 2014, com os postos de combustível dos hipermercados a liderarem a preferência dos particulares, divulgou  a APED.

"O que nos diz o relatório dos combustíveis relativamente ao mercado do primeiro trimestre de 2015 é que, de facto, os portugueses consumiram menos combustível no segmento dos consumidores particulares", quando comparado com o mesmo período do ano passado, disse a diretora-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) à Lusa.