A Axa confirmou esta terça-feira em comunicado que vai avançar com um despedimento coletivo de «cerca de 60 pessoas, equivalente a cerca de 10% do total de colaboradores da empresa».

A informação surge depois do Sindicato dos Trabalhadores da Atividade Seguradora ter denunciado a intenção da empresa de despedir 67 trabalhadores.

A empresa argumenta que o «contexto económico difícil» em Portugal nos últimos anos, provocou um «claro declínio da rentabilidade» do mercado segurador português.

«Não sendo alheia a este contexto, a AXA Portugal está a tomar um conjunto de medidas de gestão, ao nível da reestruturação da distribuição e da agilização do modelo organizativo (mais transversal e menos hierárquico) e de processos».

A empresa acrescenta que a «difícil decisão» foi transmitida esta terça-feira aos trabalhadores.