A transportadora aérea açoriana SATA vai aumentar o número de voos de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, para Lisboa e Porto a partir de 1 de novembro, quando arranca o inverno IATA, foi hoje anunciado.

“À partida de Ponta Delgada para Lisboa passamos a ter sempre duas frequências diárias e às quintas e aos domingos três frequências diárias. Em relação ao Porto, o Porto tem sido uma rota da SATA que tem verificado um aumento exponencial e, por isso, há uma afetação de voos diários à saída de Ponta Delgada, exceto à quarta-feira, que é feito via ilha Terceira”, disse à agência Lusa o porta-voz da SATA.

António Portugal adiantou que o reforço dos voos entre Ponta Delgada e Lisboa representa um “acréscimo de 35% de lugares oferecidos” e um “acréscimo de 20% de lugares oferecidos” na rota entre Ponta Delgada e Porto.

“Temos de ser, de certo modo, maleáveis para podermos responder à procura que os clientes têm para esses destinos e, concretamente, em relação a Lisboa e em relação ao Porto este acréscimo de frequências vem nesse sentido, não só o acréscimo de frequências, como adaptar os nossos horários para melhor satisfazer os nossos clientes”, sublinhou o porta-voz.

O reforço de voos previsto no plano operacional da Azores Airlines, que assegura as ligações para fora da região, para o próximo inverno IATA foi baseado “na procura que se fez sentir no inverno passado”, referiu António Portugal.

Os voos Ponta Delgada-Porto, que se realizavam três vezes por semana, passam a ser diários, enquanto as ligações para Lisboa são feitas duas ou três vezes por dia.

A companhia aérea vai, também, introduzir alterações de horário, sendo que o voo da tarde Ponta Delgada-Lisboa passa a sair às 18:00, “para que os passageiros cheguem mais cedo” à capital portuguesa, e o voo Lisboa-Ponta Delgada descola quatro vezes por semana mais tarde, com partida às 21:50 e chegada à ilha de São Miguel às 23:10.