Economia portuguesa caiu 1,4% em 2013

Último trimestre registou crescimento de 1,6%

Por: Redação / Diana Catarino    |   14 de Fevereiro de 2014 às 09:37
A economia portuguesa caiu 1,4% no conjunto de 2013, mas registou um crescimento homólogo de 1,6% no último trimestre do ano, de acordo com os números avançados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Passos Coelho: «Superámos todas as expetativas»

A subida de 1,6% contrasta com a redução de 0,9% observada no trimestre anterior, de acordo com a estimativa rápida.

Segundo o INE, a evolução foi determinada pela recuperação da procura interna, que apresentou um contributo positivo para a variação homóloga do PIB, o que não se verificava desde o 4º trimestre de 2010, refletindo principalmente o comportamento do consumo privado. O contributo positivo da procura externa líquida aumentou devido à aceleração das Exportações de Bens e Serviços.

Comparativamente com o trimestre anterior, o PIB aumentou 0,5% em termos reais, tendo registado um crescimento em cadeia pelo terceiro trimestre consecutivo (+0,3% no terceiro trimestre e +1,1% no segundo trimestre de 2013).

Para o conjunto do ano 2013, o PIB diminuiu 1,4% em volume (variação de -3,2% em 2012).
PUB
EM BAIXO: Bandeira de Portugal
Bandeira de Portugal

COMENTÁRIOS

PUB
PS: desemprego é «doloroso desmentido» para o Governo

Taxa de desemprego em Portugal subiu para os 14,1%, segundo o Instituto Nacional de Estatística. Num mês mais 11,7 mil portugueses ficaram sem emprego. Aumento da taxa para 14,1% «é uma má notícia». Oposição culpa Governo. Socialistas entendem que «políticas ativas de emprego» só serviram para estimular «trabalho precário» e «camuflar» a realidade. «Foram 12 mil as pessoas que ficaram sem emprego em fevereiro. É uma brutalidade», diz BE.