O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, felicitou esta quarta-feira o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho pela sua vitória nas eleições legislativas do passado domingo, e fez votos para que, nos próximos anos, “Portugal beneficie de estabilidade política”.

Numa mensagem de felicitações dirigida a Passos Coelho e hoje divulgada, Tusk sustenta que “os recentes resultados económicos de Portugal e estas eleições mostram que o ambicioso programa de reformas e as medidas que o seu governo adotou nos últimos quatro anos para garantir finanças públicas sãs deram frutos”.

Afirmando esperar que Portugal beneficie da necessária “estabilidade política para fazer face aos desafios que há pela frente”, o presidente do Conselho Europeu diz ainda esperar que, sob a liderança de Passos Coelho, “Portugal continue a contribuir para o desenvolvimento da União Europeia” e aponta como prioridades “uma sólida recuperação económica que crie emprego e prosperidade”, a concretização da união monetária, e uma “resposta firme aos desafios decorrentes da migração e das ameaças geopolíticas”.

“É com grande prazer que espero continuar a trabalhar em estreita colaboração consigo”, conclui, lembrando que o próximo encontro terá lugar já na próxima semana, por ocasião da cimeira de chefes de Estado e de Governo da UE prevista para 15 e 16 de outubro, em Bruxelas.


A coligação formada por PSD e CDS-PP venceu com 38,55% dos votos (o que representa 104 deputados), tendo perdido a maioria absoluta, e o PS foi o segundo partido mais votado, com 32,38% (85 deputados), estando ainda por atribuir quatro assentos na futura Assembleia da República, referentes aos círculos da emigração.