A polícia de Los Angeles anunciou há momentos que deteve um homem por alegadamente ter tentado roubar o Óscar de Frances McDormand, avança a Associated Press.

A atriz tinha vencido o Óscar de Melhor Atriz Principal pelo seu papel no filme "Três Cartazes à Beira da Estrada".

O indivíduo, identificado como Terry Bryant, foi detido na manhã desta segunda-feira e terá ficado com uma fiança de 16 mil euros (20 mil dólares), segundo informação de um porta-voz da polícia de Los Angeles à página da revista Variety.

Caso esquisito

A tentativa de furto do Óscar a Frances McDormand - já que a estatueta ter-lhe-á sido devolvida após o acto - foi revelada pela repórter do jornal New York Times, Cara Buckley, que, na noite de domingo, usou a sua conta no Twitter para assinalar o facto e sublinhar que o suposto ladrão fora "apanhado" pelo fotógrafo de Wolfgang Puck, quando tentava sair.

A segurança do Baile do Governador está à procura deste indivíduo, que apanhou o Óscar de Frances McDormand e fugiu com ele. O fotógrafo Wolfgang Puck impediu-o, recuperou o Óscar, e o homem desapareceu da festa. Aparentemente, a Frances disse para o deixar ir", escreveu a repórter do New York Times.

A estatueta terá então sido devolvida a McDormand. Esta segunda-feira, o indivíduo foi detido. Mas na noite passada, no Baile do Governador, a festa onde param os galardoados e outros após a entrega dos Óscares, o próprio Terry Bryant, que se apresenta como DJ (disk-jokey) de profissão, fez questão de se mostrar na sua página de Facebook, com a estatueta.

Esperem, esperem! Vê isto querida. Estás a ver? Ganhei isto esta noite. Isto é meu", começa por dizer Terry Bryant enquanto agarra o Óscar.