O realizador Ettore Scola, um dos maiores nomes do cinema italiano, morreu nesta terça-feira, tinha 84 anos.
 
De acordo com a agência de notícias ANSA, Ettore Scola estava internado em estado grave desde domingo, na unidade de cardiologia de um hospital de Roma.

Ettore Scola, nascido em 1931, foi considerado um dos últimos grandes mestres do cinema italiano, tendo assinado obras em que participaram atores como Marcello Mastroianni, Sophia Loren, Vittorio Gassman ou Nino Manfredi.

Realizador de mais de quatro dezenas de filmes, entre os quais documentários, Ettore Scolafoi ainda autor de cerca de 80 histórias ou guiões cinematográficos.
 
Ettore Scola foi distinguido com dezenas de prémios e nomeações, dos quais se destaca o de melhor realizador do Festival de Cannes com “Feios, porcos e maus”.