O ator e músico norte-americano David Cassidy morreu na terça-feira, aos 67 anos. Tinha sido internado, na semana passada, por falência funcional de órgãos.

“É com grande tristeza que anunciamos, em nome da família Cassidy, o falecimento do nosso querido pai, tio e irmão David Cassidy”, informou na noite de terça-feira a sua representante JoAnn Geffen, em comunicado.

David morreu cercado por aqueles que amava, com alegria no seu coração e livre da dor que o paralisava há muito tempo”.

David Cassidy ficou conhecido sobretudo pela série de televisão “The Partridge Family”, exibida entre 1970 e 1974.

 

O artista, que estava em estado crítico num hospital na Flórida após ter sido internado na passada quarta-feira por falência funcional de órgãos, anunciou no início do ano que tinha sido diagnosticado com demência.

Nessa altura, colocou termo à carreira musical de 50 anos, também por causa da artrite que tornava um martírio o ato de tocar guitarra, afirmou na altura Cassidy à revista People.

Ficou famoso na década de 1970, na sequência de uma série de álbuns, com êxitos como “I Think I Love You”, e aparições televisivas de sucesso.

 

Cassidy lidou porém, nos anos seguintes, com problemas de álcool. Chegou a ser detido por diversas ocasiões por conduzir com níveis acima do permitido e, mais tarde, em 2014, a um processo de reabilitação.

No ano seguinte, o músico, natural de Nova Iorque, declarou estar falido.