O filme "As mil e uma noites: Volume 1, O Inquieto", de Miguel Gomes, somou 3.756 espectadores, no fim-de-semana de estreia, em Portugal, segundo dados do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA).

Em quatro dias de exibição, entre 27 e 30 de agosto, "O inquieto" teve sessões em 16 salas de cinema, contabilizado cerca de 20.400 euros de receita bruta de bilheteira.

"As mil e uma noites", dividido em três volumes, é um filme sobre Portugal, inspirado em reportagens e testemunhos que retratam a sociedade portuguesa no meio da crise social e económica, em 2013 e 2014, quando a "troika" impôs um pacote de medidas ao governo português.

"O inquieto" estreou-se a 27 de agosto, seguindo-se "O desolado", a 24 de setembro, e "O encantado", a 01 de outubro. A estrutura inspira-se nos contos "As mil e uma noites", narrados por Xerazade.

Na quarta-feira, Miguel Gomes e os atores Rogério Samora e Adriano Luz vão fazer uma apresentação de "O inquieto", às 21:45, no cinema El Corte Inglés, em Lisboa.

Antes de chegar aos cinemas portugueses, a trilogia de Miguel Gomes teve estreia mundial em Cannes, foi premiado na Austrália e na Polónia e exibido noutros festivais, nomeadamente na Finlândia, Israel e República Checa.

Está garantida a estreia dos três filmes em cerca de trinta países.

"O Pátio das Cantigas" (43.892 espectadores), "Missão Impossível: Nação Secreta" (29.865 espectadores) e "Hitman" (29.623 espectadores) foram os três filmes mais vistos entre os dias 27 e 30 de agosto.