Condenado por colocar filme dos X-Men na net

Juiz quis transmitir uma «mensagem forte» aos piratas

Por: Redação / AC    |   20 de Dezembro de 2011 às 16:50
Um homem norte-americano foi condenado pelo tribunal dos EUA a um ano de prisão por de ter colocado na Internet uma cópia do filme «X-Men Origens: Wolverine».

«A condenação neste caso ajuda a transmitir uma mensagem forte para os piratas da internet. O Departamento de Justiça irá perseguir pessoas que roubam a propriedade intelectual deste país», comentou André Birotte Jr, da Procuradoria-Geral dos Estados Unidos da América.

O caso remonta ao ano de 2009, data de estreia do filme com Hugh Jackman. Na altura, o actor mostrou-se indignado com o incidente, dizendo que essa versão do filme era como um «Ferrari sem pintura final».

Gilberto Sanchez conseguiu colocar on-line uma versão do filme antes deste ser lançado. O vídeo, que acabou por cair na Internet, pela mão deste pirata, estava inacabado e necessitava de edição, pois mostrava cenários verdes de chroma e cabos presos nas cenas de acção.
PUB
Partilhar
EM BAIXO: Hugh Jackman apresenta X-Men Origens: Wolverine
Hugh Jackman apresenta X-Men Origens: Wolverine
COMENTÁRIOS

PUB
Demissão em bloco na urgência do Garcia de Orta

Sete chefes de equipa enviaram carta ao conselho de administração do hospital de Almada. Médicos alegam como motivos da demissão o «agravamento das condições de trabalho», bem como «o risco do ato clínico» e «a segurança dos doentes», que «atingiu um ponto crítico e inaceitável» no serviço de urgência. Duas das oito mortes registadas no início deste ano foram neste hospital