O filme «Too Much Johnson» de Orson Welles foi descoberto em Itália e está a ser restaurado. A empresa George Eastman House está encarregue do restauro do registo de 1938.

O filme mudo de Welles foi encontrado num armazém pela equipa da casa de arte Cinemazero de Pordenone, refere o site «Variety».

Os registos inacabados do filme foram entregues pelo Cinemazero ao arquivo de filmes italiano que os transferiu para a George Eastman House para serem restaurados com o apoio da fundação americana para a preservação de filmes.

«Este é, de longe, o mais importante restauro feito na George Eastman House em tanto tempo», disse Paolo Cherchi Usai, curador de cinema que supervisiona o projecto da instituição.

«Ter nas mãos o mesmo filme que foi editado pessoalmente por Orson Welles há 75 anos provoca uma emoção que é impossível de descrever», acrescentou.

O filme vai estrear no dia 9 de outubro no «Le Giornate del Cinema Muto» em Pordenone, o festival de cinema mudo de Itália. A 16 de outubro vai estrear nos Estados Unidos na George Eastman House, em Nova Iorque.