«Irão, um cinema de resistência» é o título de um ciclo de sete filmes iranianos que o cinema Nimas acolhe, a partir do dia 22, em Lisboa.

O ciclo decorrerá de 22 a 28 de agosto e abrirá com «O círculo», de Jafar Panahi, premiado cineasta que permanece detido no Irão por razões políticas, refere a agência Lusa.

De Panahi será ainda exibido «Isto não é um filme», feito com Mojtaba Mirtahmasb.

O ciclo incluirá ainda «Uma separação» de Asghar Farhadi, distinguido com o Óscar de melhor filme estrangeiro, «Gabbeh» de Mohsen Makhmalbaf e «Ali ¿ o Caçador» de Rafi Pitts.

Para fechar o ciclo são apresentados dois filmes de Abbas Kiarostami, um dos mais conhecidos realizadores iranianos. Os títulos são: «E a Vida Continua» e «Através das Oliveiras».